segunda-feira, 27 de junho de 2011

OUÇA A RADIO PROMESSAS - A SUA CONEXÃO DE FÉ


Agora temos radio ao VIVO!!!
Entre no link a cima, acessa a radio e peça sua musica através do chat!!!

domingo, 6 de março de 2011

Cristo redentor para dias de chuva!


Praia de Copacabana.
Meus amigos, a visita ao Corcovado ficará para a próxima viagem, contenten-se com esse Cristo redentor atrás de mim. É muito triste ir ao Rio e não conhecer o Pão de açúcar e o Corcovado. Fica para a próxima!

sábado, 5 de março de 2011

O Deus que faz milagres


Meu objetivo ao criar este blog é o de propagar as maravilhas que o SENHOR tem feito na minha e na sua vida caro leitor.

Vou contar aqui resumidamente, um milagre de Deus que recebi a 3 anos atrás.

Meu nome é Rodrigo Santos, tenho um filho de 3 anos de idade chamado Guilherme, uma benção em minha vida.

Desde que aceitei a Jesus, minha vida tem sofrido varias transformações, tenho visto e vivido coisas espirituais dia-a-dia.

Agestação da minha esposa, foi uma gestação normal, com todo o devido acompanhamento de um bom pré-natal, todos os meses visitavamos a clínica médica para fazer os exames de rotina e acompanhar o desenvolvimento do bebê, uma criança saudáve.

Vou entrar em um assunto que parece diferente ao que acima falava, porém é essencial para o entender desta história.

Quando aceitei a Jesus, e comecei a congregar na Igreja Evangélica Assembleia de Deus, achei muito interessante os instrumentos da banda e logo aprendi a tocar alguns dos instrumentos durante os cultos. Apedido de um pastor que acabara de assumir um igreja em um bairro próximo de onde eu morava, fui convidado para ajudá-lo a tocar nesta igreja nos cultos ministrados por ele. Certo culto este pastor estava pregando, houve um grande mover doEspirito Santo e Deus tomou aquele pastor e usou-o para falar comigo dizendo que o meu ministério não era na musica, mas sim na palavra de Deus. Confesso que não dei muito crédito, pois nada entendia da bíblia e queria ser musico profissional, porém Deus, o que me escolheu desde o ventre da minha mãe já havia traçado um plano para minha vida. Continuei levando minha vida e tocando na igreja. A partir daquele dia Deus começou a falar sobre seu plano ministerial para a minha vida, varias profecias vieram sobre a pregação da palavra de Deus, e eu continuava tocando, pois havia dito para o Senhor e ao maestro da nossa igreja que só deixaria de tocar no dia que eu tivesse a certeza que aquela hora seria a hora de deixar a musica e entrar de cabeça na palavra de Deus e foi aí que em um retiro, no final do culto, enquanto eu tocava meu instrumento um pastor de uma das nossas igreja veio sorrindo na minha direção e eu logo sorri para ele também achando que viesse apenas me cumprimentar, mas ele assim disse: “ Meu filho, o que vou te dizer agora, alguém já te disse da mesma maneira, Deus não te quer na área musical, mas quer te usar na pregação da sua palavra.” Apartir daquele dia comecei a receber convites e mais convites para pregar a palavra de Deus e é em uma das minhas pregações quero dar enfase agora.

Ao ser convidado para pregar em uma Assembleia de Deus no bairro 29 de julho em Paranaguá, preguei sobre o tema “O Deus do impossível”, e a pregação foi uma benção para a glória de Deus, muitas pessoas vieram para frente crendo que Deus faria o impossível em suas vidas e naquele dia houveram vários milagres naquele lugar. Nesta ocasião minha esposa estava de oito meses de gestação.

Então voltemos para o inicio, onde eu falava que a gestação havia sido normal até o dia em que meu filho nasceu.

Dia vinte e um de junho de dois mil e oito, às nove horas e trinta minutos, no hospital Paranaguá nascia o Guilherme, o tão esperado pela nossa família. Eu estava muito ansioso para vê-lo e poder segurá-lo em meus braços. Depois de muito demora saía uma enfermeira com o meu filho em seus braços enrolado por uma manta, ela mostrou a criança rapidamente e disse que estava tudo bem que era para eu falar com o pediatra de plantão. Ao conversar com opediatra fui informado de um pequeno problema que havia ocorrido com meu filho, o pediatra disse ser apenas um cisto na cabeça nada para nos preocuparmos poque um especialista já aguardava-nos em Curitiba no Hospital pequeno Príncipe. Ainda sem entender o que estava acontecendo fomos encaminhados ao hospital mencionado anteriormente onde o especialista neurocirurgião nos atendeu depois dos exames de tomografia terem sido feitos. O exame constatatou um doença chamada encefalocele, até então jamais eu ouvira falar tal nome de doença.

Encefalocele (ou cranium bifidum) é um defeitodo tubo neural, doença naqual ocorre a herniação do cérebro e das meninges por aberturas no crânio. Pode causar deficiências motoras e intelectuais graves, mas é menos freqüente. O único tratamento efetivo disponível é a cirurgia reparadora”,ou seja, havia uma abertura no cranio do Guilherme por conta dessa má formação, a qual segundo o especialista não fecharia nunca. Ao questionarmos aquele médico sobre a doença e futuro desenvolvimento do bebê recebíamos respostas nem um pouco promissoras, a realidade da doença era dura, a criança poderia ter problemas de coordenação motora, fala e também aprendizado, sem falar no risco imediato de que se aquele “cisto”, a saliência no alto da cabeça do Guilherme estourasse e o líquido vazasse em sua cabeça, ele poderiate meningite, ficar com graves sequelas ou na pior das hipóteses até morrer. Uma cirurgia reparadora deveria ser feita urgente, para eliminar o fator da meningite. Neste momento caro leitor ( pai ) o chão fogiu dos meus pés, o ar sai dos pulmões e um rio de lagrimas estourou dentro de mim. Entrei no banheiro daquele apartamento de Hospital e me derramei em lágrimas até soluçar, levantei a minha cabeça ao scéus e disse a Deus: “ Senhor, por que isso aconteceu comigo? Porque com o meu filho, meu primeiro filho? Ah Deus, no mês passado eu preguei a tua palavra dizendo que Deus era o Deus do impossível, e agora eu me encontro nesta situação! Senhor eu não quero e não posso colocá-lo contra a parede, mas para eu continuar pregando sobre o Deus do impossível, o impossível tem que acontecer na minha vida! Senhor tira o meu filho desta situação, pois prometo criá-lo nos seus caminhos e fazer tudo o que for possível para que isso aconteça!”. Queridos, saí daquele lugar com a minha alma aliviada, crendo que Deus faria o impossível em minha vida. Fomos conduzidos para a sala de cirurgia, no lado de fora aguardando a saída do Guilherme quando de repente chega uma mãe cuja a filha tinha o mesmo problema, já havia feito uma cirurgia, os médicos deram-na duas semanas de vida para aquela garotinha e ela já estava na quarta semana e retornara ali para fazer outra cirurgia pois a situação havia agravado-se. Sofri mais um pouco ao ver aquela cena, mas como já havia depositado minha fé em Cristo, não me abalei. Para resumir, o meu filho saiu da cirurgia sem necessidade de UTI, foi para o quarto, após dois dias estava em casa.

Eu estava convicto de que Deus curaria meu filho, então fui orar e jejuar, todos os dias daquele mês, todas as madrugadas daquele mês estava eu aos pés do Senhor clamando.

Estabelecemos visitas mensais ao medico especialista, o qual fez a cirurgia e estava acompanhando o desenvolvimento do meu filho. A cada mês era uma noticia boa. Cheguei em um tempo de me sentirconstrangido naquele hospital, pois haviam muitas crianças com sérios problemas deixados por suas doenças, e eu estava com meu filho ali, apenas com uma cicatriz na cabeça aparentemente perfeito.

Aos cultos de domingo amados, começava a me ver no púlpito testemunhando deste milagre, nesta fase aprendi na integra aquele versículo de Hebreus 11:1, Ora,a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova dascoisas que se não vêem. O milagre já estava acontecendo!

No sétimo mês do Guilherme sonhei que havia ganhado na loteria, e minha esposa até brincou pedindo para eu jogar, porem senti que era algo maior ainda. Neste mês fizemos um outro exame de tomografia e levamos para o médico o qual ao ver o mesmo disse que o buraco no crânio do Guilherme o qual ele havia afirmado no começo que não fecharia, praticamente não existia mais e minha esposa ao perguntá-lo novamente sobre o futuro do nosso filho o doutor olha para mim e diz: “Vocês ganharam naloteria”. Foi então que ele abriu o laudo da tomografia na qual dizia que o Guilherme era uma criança normal.

Será que você pode dar um glória a Deuspor isso, ou esta cheio da graça de Deus chorando?

Meu querido, Deus é o Deus do impossível! Só ele faz estas coisas.

Neste mesmo mês fui novamente convidado a pregar naquela mesma igreja, do bairro vinte e nove de julho em Paranaguá a qual mencionei anteriormente, após um ano da ultima pregação sobre o Deus do impossível, Deus me levou novamente até esta congregação para falar mais uma vez que Ele era o Deus do impossível, porém desta vez eu tinha uma grande experiência para contar, e o poder de Deus caiu novamente naquela igreja, e o meu Deus foi mais uma vez glorificado na minha vida.

O Guilherme hoje é tão saudável e inteligente quanto uma criança que nasceu sem nenhum problema.

Meu amado irmão, se você é como eu, tem chamado de Deus e sempre pede a Deus em suas orações que lhe dê experiencias se prepare para conhecer o Deus d impossível!

Eu sempre orava da seguinte maneira: Deus eu quero te conhecer não só através experiências de outras pessoas, mas através de experiencias na minha própria vida. Hoje posso dizer que conheço o Deus do impossível!

Até o próximo testemunho!


Rodrigo Santos

Email: rlsantos1985@hotmail.com